Páginas

terça-feira, 6 de janeiro de 2015

Desejos de Ano Novo - Equilíbrio.

Olá gente querida, quanto tempo hein??? Simplesmente esse cantinho está de lado há quase um ano e não gostei nada dessa constatação. Inicialmente, esse cantinho foi criado para ser uma galeria das minhas aventuras no scrapbook. E assim foi por três anos consecutivos. As postagens eram regulares e sempre estava por aqui contando e registrando minhas artes no scrap. Em 2012, a fotografia foi chegando de mansinho e foi tomando espaço. Em 2013, ela quase reinou sozinha e sobrou muito pouco para o meu amado scrapbook. Em 2014, ela tomou conta de vez, não sobrou espaço para mais nada. De outra forma, faltou espaço e tempo para coisas e pessoas amadas, inclusive para mim. O scrapbook, esse ficou guardado no fundo do meu coração. Quietinho, esperando a sua vez de voltar a ter espaço na minha vida.
Eis que é chegada a hora de uma pausa para reflexão e descanso.  Tudo na vida deve ser feito com amor e na medida certa. Com a fotografia, quase acertei. Acertei no amor, mas errei feio na medida. Não sei se todos sabem, mas a fotografia não é meu meio de vida, surgiu como um hobby e se tornou uma segunda atividade profissional e com isso, mais responsabilidade e menos tempo para grandes prazeres. O rumo estava quase certo. Nada de errado em continuar fotografando profissionalmente, afinal amo fotografar, O que estava errado era, como eu disse, a quantidade de trabalhos assumidos. Resultado: muito cansaço, estresse, uma tendinite muito chata no cotovelo que insiste em doer quase que constantemente, e nenhum espaço para trabalhar com as mãos, sujar de tinta, cortar papeis, trabalhar com as fotos fisicamente, coisa que alimenta minha alma. Definitivamente, olhar uma foto no computador não me preenche. Preciso tocar a foto, fazer um álbum com minhas mãos ou apenas um Lay out que seja. Que não sejam para meus clientes de fotografia, mas que sejam para mim, para minha recordação dessa arte que tanto amo fazer, fotografar pessoas, registrar momentos felizes de pessoas e familias. Já que não farei tantas fotos mais, quero poder folhear álbuns daqui a alguns anos e me recordar dos trabalhos que fiz. E recordar com o meu scrap. A arte de fotografar faz parte da história da minha vida e, assim, como um Natal, um aniversário, merece ser lembrada e ter belos registros de scrapbook. A fotografia tomou tamanha dimensão na minha vida, que esqueci de fotografar os meus momentos. Pensava, já que não vou fazer scrap com essas fotos, não fazia questão. Sim, porque minhas fotos, cedo ou tarde viram scrap. 
Bem, depois de tanto falar assim da fotografia, podem pensar que vou desistir dela. Não, enquanto eu puder e tiver quem queira ser fotografado por mim, eu farei, só que em uma quantidade muito menor. Ela voltará a ser quase um hobby, meus clientes em andamento continuarão comigo. Novos trabalhos, serão aceitos com muita cautela, para que não aconteça mais uma vez o que aconteceu nos últimos meses de 2014. E o scrap e esse cantinho? Ah, eles voltarão a ter seu espaço na minha vida. Por aqui irão desfilar minhas paixões: Fotografia e Scrap, na medida certa. Vou contar para vocês e fazer desse cantinho um diário semanal virtual, onde deixarei registrados meus trabalhos, alegrias e tristezas. Sim, porque paixões também trazem tristezas. 
E para finalizar esse post vou deixar vocês com um dos últimos ensaios que fiz, do lindo Matheus Vinícius, de 36 dias de vida, e com um LO feito em 2014, com desejos de ano novo e com materiais que amo de paixão da minha Musa inspiradora Julia Cotrim e agradecer a ela, pois ela é uma das razões que o scrap jamais morrerá no meu coração.




Beijocas a todos e até breve com fotografia, scrap ou ambos. Prometo não sumir!!!

Feliz Ano Novo!!!!